jueves, 10 de mayo de 2012

Grafiteiro de luz


O artista britânico Peter Medlicott, conhecido como Sola, é um especialista na técnica conhecida como "lightbombing". Uma derivação da gíria de grafiteiros "bombing", que significa criar um grafite rapidamente, antes que alguém possa flagrá-lo.
No entanto, Sola, de 28 anos, compõe suas peças com feixes de luz.
As obras tem, intencionalmente, vida curta e são simples de criar, segundo ele. ''Você só precisa de uma câmera digital, uma longa exposição, de cerca de 30 segundos, e luz''.
''Eu adoro ser um grafiteiro, mas não sei pintar'', afirma Sola. Mas o artista usou essa limitação a seu favor.
Sola conta ter criado sua técnica por acaso, quando estava tirando fotos. ''Senti que algo estava faltando. Decidi iluminar o local com uma lanterna e outras fontes de luz. Um dia, por acidente, uma das luzes foi flagrada em uma foto, o resto é história.''


Sola é um especialista na técnica conhecida como 'lightbombing'. Uma derivação da gíria de grafiteiros 'bombing', que significa criar um grafite rapidamente, antes que alguém possa flagrá-lo. Mas a diferença é que ele compõe peças feitas de luz, como a escultura acima, feita em Glastonbury, na Grã-Bretanha.


Esta é uma das obras que o artista britânico criou em sua cidade natal, Birmingham. A peça de mais de sete metros integra o trabalho 'All Change', situado ao lado da estação de trem local.



As peças de Sola tem, intencionalmente, vida curta e são simples de criar, segundo ele. ''Você só precisa de uma câmera digital, uma longa exposição, de cerca de 30 segundos e luz''. A obra 'Solid Trace 7', exibida na imagem, foi criada em Dubai, nos Emirados Árabes.



''Eu adoro ser um grafiteiro, mas não sei pintar'', afirma Sola. Mas o artista usou essa limitação a seu favor. Ele se diz fascinado com fotografia e define seu trabalho como esculturas feitas de luz. Esta é 'The Mistery', realizada por Sola em Glastonbury, na Grã-Bretanha.



Sola conta ter criado sua técnica por acaso, quando estava tirando fotos. ''Senti que algo estava faltando. Decidi iluminar o local com uma lanterna e outras fontes de luz. Um dia, por acidente, uma das luzes foi flagrada em uma foto, o resto é história.''



Esta é mais uma das peças criadas por Sola para sua cidade natal. Trata-se de um 'arco-íris urbano', criado na região conhecida como Paradise Circus, de Birmingham.



O projeto de 'lightbombing' de Sola já dura cinco anos. A obra acima se chama "Solid Trace 36" e foi feita em Birmingham, na Grã-Bretanha.



A obra 'Wave of Change' (Onda de Mudança, em tradução livre) foi criada por Sola durante uma tempestade de areia na Marina de Dubai.



Sola utiliza as locações mais variadas para criar a sua arte, não se limitando ao ambiente urbano. É o caso desta obra, intitulada 'Country Lines' (Linhas do Campo, em tradução livre), na área rural de Oxford, na Grã-Bretanha.



"Acho que há algo muito especial no fato de que esculturas de luz não existem na vida real", diz o artista, que na imagem acima aparece ao lado de uma de suas criações.


Fonte: BBC Brasil 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...